HOME | SOTMB | VY.COM.BR


#eufui: backstreet boys in a world like this tour 3/3
quarta-feira, 17 de junho de 2015 at 10:30
1 comments

Eu achei loucura dos boys marcarem esses 3 shows seguidos só em SP (teve um no dia anterior no RJ e outro no dia seguinte em POA), achei que faliria, mas não achei que ficaria tão podre de cansaço! É, os 30 pegam mesmo...

No fim acho que foi bom ter esse terceiro show só pra eu curtir de verdade, sem stress nenhum. Pro último dia peguei platéia superior, nunca tinha ficado lá em cima, e por ser mais barato, achava que ia ser uma bosta.

Acordei bem tarde e sai de casa pra chegar lá no show bem perto da hora mesmo. O bom é que a platéia é cadeira, então pude esperar sentada o show começar. Dava pra ver a pista cheia lá embaixo. Ainda bem que não peguei pista pro último dia! (O único motivo real pelo qual peguei platéia no final é porque era mais barato)

A vantagem de ver o mesmo show várias vezes é que você sabe quando pode relaxar, quando começa de verdade, essas coisas. Então pra mim, esse último show foi pra curtir com calma, prestar atenção nos detalhes, nas danças no palco. E ficar lá na platéia superior foi ótimo pra isso. Apesar de eu ter visto o palco todo no primeiro dia, a visão lá de cima é muito diferente, muito mais global!

Senti que nesse último dia eles apressaram as coisas e não teve tanta interação quanto no dia anterior. Teve as mesmas coisas, as mesmas falas, AJ e Brian pulando no pit... Mas por exemplo, no set acústico, eles super correram com as músicas. Nem tocaram "Get Lucky" (só a intro). E todo o resto achei assim. Eles devia estar exaustos. Eu que pude dormir até tarde e nem fiquei a balada toda estava podre!

Gostei de conseguir ver tudo lá de cima e super recomendo pra quem não gosta de bagunça. A única coisa é que o pessoal fica tudo de pé, e se você quer descansar, não consegue ver nada =( Nos show da #mb20goostour (1 & 2) não tinha esse problema de não enxergar, era muito bem feita a platéia cadeirada.


No fim dancei um monte de novo e pssei até mais clor, mas com muito mais conforto. Na real eu sentei em alguns momentos e curti pelo telão mesmo, foi um show relax e gostosino de curtir.

Também tive mais calma pra refletir sobre as músicas. Não amo esse cd novo não, mas tenho que admitir que algumas músicas ficam fantáticas ao vivo!!!

E eu não sei se foi cansaço ou emoção mesmo, mas na hora que tocaram "Show 'em what you're made of", que o Kevin e o AJ compuseram pros filhos, eu CHOREI! Muito! Incontrolavelmente! E eu nem sabia porque!!! Sério, apesar de amar Backstreet Boys, não tem nenhuma música deles que eu ache emocionante nesse nível, mas naquele momento eu não sabia o que pensar, só sentir.

Considerações de fã (velha, chata, que acompanha tudo desde sempre):

Eles são ótimos no palco, não há dúvidas. Eles ainda cantam e dançam sim! Vale o dinheirinho gasto... PORÉM. É preciso alinhar espectativas. Isso não é mais Millennium tour. Não tem mais mil dançarinos no palco. Não tem nem banda ao vivo! Tem base pré gravada. E o show é coreografado até nos momentos "espontâneos". Não é a melhor turnê que já passou por aqui, mas acho que satisfaz fã sim. A gente vai reclamar muito, esmiuçar os problemas, mas jamais vai admitir ninguém de fora falar mal da banda! Eu queria super produção? Queria. Queria mais tempo de show? Com certeza! Mas o que tem pra hoje é isso ai. Brian ainda tem problemas com a voz e e super visível. Ele se mata pra cantar as notas mais altas, deixa a galera cantar por ele e tenta compensar sendo mais engraçado no palco fisicamente falando (embora,hello? e aquela tala no pé na foto do meet???). Nick tenta sensualizar o tempo todo e ser show man, mas perde feio até pro Howie. As outras turnês foram melhores (ok, talvez "This is us" nem tanto), mas tenho fé que o contrato da Live Nation traga algo de positivo (e não só a exploração quase escrava deles).

O que eu acho que deveria ter sido difrente mesmo é terem trocado o local do show logo de cara. Fazer tipo no Allianz. 1 show só. É muita imprudência da produção abusar deles assim, fisicamente. Brian já chegou em SP com a voz ruim, no último show a voz dele tava super rouca, eles estão exaustos (e vira e mexe eles falam disso nos shows) e isso prejudica pra caramba na interação e na performance. Prejudica as fãs também. Claro que se a gente pudesse, teria um show por dia deles, mas a gente também reconhece que isso é só uma loucurinha!

Sobre o fandom, melhor nem comentar muito, quem tem qualquer tipo de contato sabe que os boys tem toda a razão de não descer pra café, pra autografo e sair cercado de segurança do hotel, quando sai. No after deu pra ver e ter VERGONHA de algumas meninas. Povo não sabe se comportar. É legal mostrar apoio, que ama, lotar show, mas tem que dar espaço pro ser humano descansar, pra continuar fazendo a música e o show que a gente tanto ama! Sem isso, eles não seriam nada!

</desabafo>

Brian disse que esse ano ainda começam a gravar outro cd e loo começa maratona de promoção e turnê de novo. Povo já pode se planejar pra não ficar de #mimimi depois. Tá todo mundo avisado!

Setlist:

The Call
Don't Want You Back
Incomplete
Permanent Stain
All I Have to Give
As Long as You Love Me
Show 'Em (What You're Made Of)
Show Me the Meaning of Being Lonely
Breathe
I'll Never Break Your Heart
We've Got It Goin' On

I Want it That Way / Drowning
10,000 Promises
Madeleine
Quit Playing Games (With My Heart)
Never Gone (Brian acapella)

The One
Love Somebody
Shape of My Heart
In a World Like This
I Want It That Way

Everybody (Backstreet's Back)

Larger Than Life


Dois sonhos realizados!

Marcadores: , ,

that would be me. bye!

about the girl

Pode me chamar de Vy. Balzaquiana com cara de universitária. Turismóloga de formação. Rodinha não só nos pés, mas no coração também. Introvertida. Blogueira old school.

good reads

@ carol c. [rolê do amor]
@ nicas
@ nati n.
@ line
@ lari
@ lomogracinha
@ fernanda n.
@ paula b.
@ thais h.
@ tany
@ lia f. [verbo ler]
@ maria t.
@ simone pearl
@ anne r. [cat loves vinyl]
@ bruna
@ pamela
@ lecticia
@ gesiane
@ chris m.
@ meire k.
@ carlos & denise

the past



extras

the simple life