HOME | SOTMB | VY.COM.BR


#beda: era uma vez, há muito tempo atrás...
domingo, 28 de agosto de 2016 at 10:30
1 comments

Lembrei que nunca escrevi sobre a formatura do meu irmão, que aconteceu em janeiro de 2012, então resolvi usar pro beda, já que eu ainda não tinha pauta pra esse domingo :)

Meu irmão se formou em Engenharia Elétrica pela Unesp de Guaratinguetá e a festa foi lá mesmo. É tradição que as famílias aluguém chacaras pra passar o fim de semana todo com os formandos, e ai eles aproveitam pra fazer quase que uma festa paralela, com muita bebida e muito churrasco.

Como família do formando, eu e minha mãe tivemos toda uma preparação. Minha mãe mandou fazer um vestido e eu fiquei um tempão tentando decidir o que eu queria usar. Minha mãe até passou maquiagem (que ela nunca usa)!

Meu vestido eu comprei em uma loja na José Paulino, cujo nome eu não lembro. Era uma portinha, mas a loja era extensa. Na porta ficavam os manequins, não tinha nem uma vitrine fechada, pra ver como era a coisa! Eu pensei em ir até a Feira do Vestido de Festa, que é uma loja enorme lá no fim da rua (onde já tinha comprado um vestido pra casamento antes) e na Elouva, que são lojas bem conhecidas, mas acabei nessa loja sem ir nas outras, porque achei o vestido que eu nem sabia que queria! Na verdade, entrei na loja por causa de outro vestido muito bonito também, cinza chumbo, mas quando vi o vestido que acabe comprando no manequin no interior da loja, sabia que era ele que teria o maior impacto e que eu voltaria pra olhar nas fotos e gostar pra sempre <3

Antes de fazer a barra
A sandália tive a sorte de achar em uma liquidação da Capodarte e paguei tipo R$ 50!!! Minha mãe ainda não tinha decidido o vestido (mas eu também não) e não quis comprar e depois se arrepedeu porque nunca mais achou sapato tão barato, hehe.

A gente foi pra Guará na sexta de manhã. Meu irmão dividiu o aluguel da chacará com outro amigo dele. Ficamos com uma suite até que bem grande, onde coube nós 3 e mais 2 amigas do meu irmão. A chácara ainda tinha um salão de festas e uma churrasqueira, cabia muita gente ali, e eles levaram muitos convidados durante o dia.

No sábado acordamos cedinho pra ir na missa de formatura que foi na basílica de Aparecida, que é ali perto. Fui só pra não ficar abandonada na chácara, porque sentei lá no fundo esperando a missa acabar, com muito sono. Na volta tomamos um bom café da manhã de padaria, onde um monte de outros formando estavam também (a cidade estava tomada por formandos e famílias) e ai voltamos pra chácara pra fazer o churrasco.




Ainda rolou minha caipirinha de abacaxi que é sempre muito bem recepcionada, haha! Comi razoavelmente, mas não fiquei bebada. No fim da tarde eu tinha hora no cabelereiro pra fazer o penteado e uma amiga do meu irmão levou eu e a namorada de outro menino pros salões (eu escolhi fazer em um salão de shopping mesmo).

Escolhi fazer um coque banana, porque achei que seria um penteado que ficaria no meu cabelo, que na época estavalongo, apesar de repicado.

Ledo engano. Teve um momento que eu achei que eu ia sar sem nenhum penteado! A moça começou a fazer o coque e... Pluft, o cabelo todo caiu do coque! Ela tentou espirrar um monte de laquê e o cabelo caiu várias outras vezes! Até pedir ajudar pra uma outra moça pra segurar o coque enquanto ela enrolava, terminava com uma lata de laquê e uma caixa de grampo, haha! Sério, foi tenso...

Essas presilhas estavam ali pra garantir que o coque não ia abrir!
A maquiagem eu fiz sozinha, com certeza ali é que eu não ia encontrar uma especialista em orientais! Mas nem ligo, porque eu gosto de me maquiar e não gosto muito de ficar muito rebocada. Também fiz a make de mamys.

A festa foi em pleno verão e estava mesmo bem quente. E o verão é também época de chuvas, então claro que choveu horrores antes do começo, e claro que o estacionamento do salão era só barro e tinha fila.

Nada glamouroso ter que segurar a barra do vestido
Comprei uns brincos simples na Morana e o colar eu peguei emprestado de mamys.

Família <3
Lá é costume dar os convites sobrando das mesas para os companheiros de república. Meu irmão morou no mesmo lugar a faculdade toda, foram 8 anos de convivência (ao contrário de mim que trancou a faculdade e foi viajar ou só postergou mesmo o tcc, meu irmão pegou algumas dp's pelo meio do caminho, hehe...) e de qualquer forma não tinha muita família pra ocupar a mesa toda mesmo.

A festa foi bem divertida, eu dancei uma das valsas com meu irmão (a pista era muito pequena pra todo mundo, e tinha muita gente, a troca dos pares foi caótica e dancei tipo uns 2 minutos só com ele, haha), o open bar era ótimo, a comida era boa e até o banheiro estava em boas condições, apesar do barro que todo mundo trouxe pra dentro do salão.

A gente ficou até mais de 5am e só fomos embora porque eu estava literamente dormindo na mesa e porque já estava acabando de qualquer jeito.

Eu mesmo não participei da minha formatura. O que eles fazem na ECA é juntar todos os cursos, mas não é tanta gente assim, e eu preferi usar o dinheiro pra ir viajar, a maioria dos meus amigos também não participou de qualquer jeito... Acho que eu encaro formatura como festa de casamento: eu não vou fazer pra mim, mas me convidem pras suas que eu participo e muito me divirto!

Este post faz parte do BEDA - blog everyday august. Se quiser conhecer mais gente que está  se aventurando nesta loucura ou precisar de um grupo de apoio pra continuar firme e forte na ~blogueragi~ clica no banner!

Marcadores: , , , ,

that would be me. bye!

about the girl

Pode me chamar de Vy. Balzaquiana com cara de universitária. Turismóloga de formação. Rodinha não só nos pés, mas no coração também. Introvertida. Blogueira old school.

good reads

@ carol c. [rolê do amor]
@ nicas
@ nati n.
@ line
@ lari
@ lomogracinha
@ fernanda n.
@ paula b.
@ thais h.
@ tany
@ lia f. [verbo ler]
@ maria t.
@ simone pearl
@ anne r. [cat loves vinyl]
@ bruna
@ pamela
@ lecticia
@ gesiane
@ chris m.
@ meire k.
@ carlos & denise

the past



extras

the simple life