HOME | SOTMB | VY.COM.BR


london, london
segunda-feira, 23 de maio de 2016 at 16:12
1 comments

Bom, como eu falei no post anterior, fui-me embora pra Passargada... Deu no saco de morar na comunidade (porém saudades trabalho já), o sobrinho vindo ai e no dia cinco de mayo (ops, país anglofono errado!) peguei minhas trouxinhas e deixei Ringwood com destino a Londres. O marido do Junior mora e trabalha lá e eu fui ficar uns dias com eles. O Junior também foi embora, 01 semana depois de mim, e como eu não queria passar 01 semana sem ele, organizei minhas moedinhas pra ir pra Berlim também. Mas isso eu conto depois.

Eu gostaria de ter me organizado melhor nesse tempo todo pra ter ido mais vezes pra Londres. 08 meses e eu fui 04 vezes pra lá, sendo que numa delas passei só algumas horinhas (no ano novo). Já tinha visto boa parte da cidade, mas ainda tinha algumas coisas que queria fazer mais. Pena que o dinheiro também não colaborou.

Fui até a Harrod's, porque, né, além de ser uma loja de departamentos enorme, é um ícone da cidade e da história do país. Gente, o último namô da Lady Di era dono da bagaça!

Inocente eu de achar que as coisas iam ser mais nível Galeries Lafayettes. Sei lá, quando fui  pra Paris (1 - 2 - 3) não achei as coisas tão caras, mas acho que esqueci que na terra da rainha as coisas são diferentes.

A Harrod's é enorme, tem uma seleção incrível de luxo, mas é até meio opressivo de tão caro que é! Claro que também é um destino turístico e tem vários pés rapados iguais a mim, mas né, me senti ainda mais pobre!

Tô me desviando do assunto, porque queria falar de outra coisa, ainda da Harrod's. Como eu disse ali no começo do texto, o Dodi Al Fayed (ou a família dele) é dona desse prédio humilde, e tem uma parte, no subsolo, em homenagem a eles e ao amor deles. É um treco brega pra cacete (aparentemente fiquei com tanta vergonha que não tenho nenhuma foto disso), mas... Pensando bem, é uma ode ao amor (ok, sei que também é um caça níquel), e eu entendo o apelo. Porque, olha, o lugar é disputado, cheio de gente (vai ver é por isso que tem tanto pé rapado que nem eu).

Pra não dizer que o passeio foi todo perdido, tem sim uma sessão de coisas da marca própria que é menos ofensiva aos bolsos de plebeus. Tem coisas do tipo louça com a cara da família real (tipo, a face deles mesmo) e souvenires. Encontrei uma tigela linda pra cachorra do meu irmão! Mas foi a coisa mais útil que consegui comprar.

O entorno é mais interessante, tem Top Shop e Zara, por exemplo. Até comprei uma calça lá. Depois fui é pra Primark da Oxford Street porque é tudo que meu bolso me permitia.

Não sei se já falei aqui, mas a Primark é tipo uma Pernambucanas de lá. Tem de tudo muito barato, mas não exija qualidade. Comprei uma calça de pijama lá que não aguentou nem esperar eu voltar pro Brasil...

Essa de Oxford é uma das maiores que conheci. São 4 andares lotados de produtos. E pessoas. Mas tudo que você precisar, é lá que vai encontrar. Menos dignidade, porque, né, nada digno enfrentar as filas quilométricas dos caixas.

Nesse dia especificamente fui atrás de uma mala extra. Minhas malas estavam estourando de tão cheias, então resolvi que era melhor pagar uma mala extra do que ter o check in me fuzilando pela mala acima do peso (aliás, mais sobre a volta em um próximo post). Claro que dei uma voltinha pela loja e achei uma camiseta da Coca-Cola pra comprar e no caixa, uma ecobag do Harry Potter. Alias, melhor lugar pra comprar merchan de Harry Potter é lá, pelo menos de vestuário, porque tem opção e é muito mais barato!

Falando em Harry Potter, claro que não podia deixar de visitar o estúdio da Warner onde os filmes da saga foram filmados. Na verdade não fica em Londres, fica em Watford, a cerca de 01 hora de ônibus de Londres. Existe a opção de você ir por conta, ou então o próprio site redireciona para uma empresa que organiza o traslado do centro de Londres com ingresso. è muito mais caro, mas também é muito mais comodo. Os ingressos tem horário, e em dia de alta procura, você não pode entrar antes do horário marcado.

Nesse dia quase que não chego no ponto de enconro. Sai num horário que achei que seria tranquilo, até com margem pra passar no Starbucks, mas claro que o DLR ia dar pau e o trem ia parar depois de eu trocar de linha!

O ônibus parte de Victoria, daqueles de 02 andares e é envelopado com o logo dos filmes e a cara do Daniel Radcliffe. Não tem guia, mas dentro toca o tema da Hedwig e passa o primeiro filme, hehe.

Não sei se dei sorte, mas nesse dia não tava muito lotado. Tava cheio, mas não insuportável. Eles indicam 03 horas pra ver tudo, e acho que é o correto. Mas se você for um obcecado, pode colocar muito mais horas na conta! Em 03 horas eu vi o básico, não fiquei estudando minusciosamente cada canto não!

Já na fila <3
Primeira Parada: Great Hall!
Eu queria provar o Sorting Hat, mas não podia =/
Os professores
O quarto dos meninos na Grifinória
Sala Comunal da Grifinória
A Sala do Diretor
Snape, always <3
Expresso Hogwarts - dá pra entrar!
A casa dos Dursley!
Muitas maquetes brancas de tudo da história
O filé - a maquete de Hogwarts, perfeitinha!
Claro que tem muito mais coisa, tem cenários como a casa do Hagrid, outras salas de professores, o Beco Diagonal e até a porta da Camara Secreta! Eu dei a sorte de pegar a casa dos Dursley, mas ela ainda não estava aberta (deve ficar aberta super pouco tempo). Tem o Knight Bus, o carro voador e até a moto do Hagrid (dá pra tirar foto nesses!), além da ponte que o Neville destrói.

Claro que no fim tem uma loja com todo o tipo de souvenir, mas é bem caro. Não é nível Disney de caro não, é bem mais! Tem algumas coisas exclusivas, mas de vestuário, quase tudo dá pra achar fora e mais barato. Eu tenho uma malha da Grifinória da Primakr que era umas 4x mais barata!!! Comprei mesmo só o Funko do Harry e olhe lá!

Tem lugar pra comer lá dentro e na saída, é caro mas até que não era ruim. O truque na Inglaterra é comer hamburguer, porque de resto a comida não vale nem seu tempo sentado comendo...

Claro que eu adorei muito ver o cenário dos filmes, mas quem é potterhead mesmo vai pra materializar aquilo que leu nos livros. Não é só "ah, naquela cena do filme" e sim um "ah, aquela sequência da história no livro!" Tem mais a ver com JK Rowling do que com a Warner.

Ah, lá dentro tem wi-fi e é super bom! Dá pra fazer snap e tudo, hehe.

O meu passeio deu 03 certinho. Chegamos um pouco antes do horário, mas pudemos entrar porque não era dia de pico. Como comprei pacote, tinha horário pra voltar, então foi bem tranquilo (os ônibus são de acordo com essa estimativa de 03h de passeio). Cansa andar tanto tempo, mas vale bem a pena!

Eu ia sair mais nos outros dias em Londres, mas confesso que bateu uma preguicite enorme. Sai ainda pra fazer um bar hopping com os portugueses amigos do marido do Junior e foi bem legal, comemos no Honest Burger perto do Savoy (o hotel de Notting Hill) e foi muito bom, preço honesto mesmo, hamburguer saboroso e ainda dividimos uma garrafa de vinho tinto! Londres é uma cidade densa, tem muita coisa pra fazer, mas dá pra fazer muita coisa a pé. Além de ser bem segura, apesar de andar pelas ruas a noite, de grupo, não nos sentimos incomodados.

Minha última noite foi vendo o tal do Eurovision, uma competição musical anual entre todos os países europeus, que acontece há muitas décadas. Todo mundo assiste, é tipo final de campeonato mesmo. Eles fizeram um jantar e ficamos avaliando os finalistas (mais de 20!), até sair o resultado. A Europa toda vota nos seus candidatos, e tem também uma equipe técnica, mas é o voto do povo que conta mais. Desde o ano passado a Austrália participa também, e esse ano, por um triz, eles não venceram! Dura umas 03 ou 04 horas, mas é divertido, e fica melhor ainda com alcool e a narração do Graham Norton (na Inglaterra)!

Marcadores: , , , , , , ,

that would be me. bye!

about the girl

Pode me chamar de Vy. Balzaquiana com cara de universitária. Turismóloga de formação. Rodinha não só nos pés, mas no coração também. Introvertida. Blogueira old school.

good reads

@ carol c. [rolê do amor]
@ nicas
@ nati n.
@ line
@ lari
@ lomogracinha
@ fernanda n.
@ paula b.
@ thais h.
@ tany
@ lia f. [verbo ler]
@ maria t.
@ simone pearl
@ anne r. [cat loves vinyl]
@ bruna
@ pamela
@ lecticia
@ gesiane
@ chris m.
@ meire k.
@ carlos & denise

the past



extras

the simple life