HOME | SOTMB | VY.COM.BR


#gordasafada: comendo em paris
segunda-feira, 6 de junho de 2016 at 10:30
1 comments

Não podia faltar um post de comida sobre a viagem a Paris!!! Eu sofria muito morando an Inglaterra, a comida é um desastre, uma tristeza, sem vida nenhuma, então qualquer oportunidade de comer bem é muito apreciada! Esperei muito por essa viagem e Paris não me decepcionou!

Os parisienses não são conhecisods exatamente pela sua simpatia, mas a regra de ouro que te abre sorrisos e te garante um bom atedimento é: SEMPRE comece uma interação com "bonjour". Não interessa o que vem depois disso, se você vai fazer o pedido em francês ou pedir pra falar em inglês, eles apreciam essa cordialidade e ficam putos da vida se você não cumprimenta antes de tudo.

Eu não tinha nenhuma lista específica de onde comer, então aqui segue uma lista de lugares onde dei a sorte de entrar ;).

1. Café KB - Pigalle

Esse é o café onde minha amiga trabalha, tem outro brasileiro lá e um português (acho?), então dá pra pedir informações em português ;). Eles se especializaram em cafés diferentes, mas tem lanchinhos orgânicos também. É numa praça bem gostosa, perto do Moulin Rouge. Ah, wi-fi de graça, muito importante nessa cidade onde é difícil achar wi-fi...

2. Le 43 (quarante trois), Holiday Inn - Notre Dame

O bar fica no térreo do hotel, é fácil de achar. É um bar de hotel, é bem calmo, tem tv, uns sofás bem confortáveis, também serve lanche e eles fazem o drink que você quiser ;). O marido da minha amiga trabalha lá, procure pelo polonês e deixe-o usar a criatividade pra te fazer um drink diferente!



3. Café George V - Champs Elysee

Parei nesse restaurante ela preguiça, já não aguentava mais andar pela avenida e estava com fome. O lugar é simpático, tem mesa "na calçada" e um "puxadinho" mais perto da rua. É bem grande, tem um menu bem diversificado, tem preço médio e o serviço foi super simpático. Diga que é brasileira e até o gerente  te recebe com um sorriso (o gerente, inclusive, é bem gato!). Pedi um croq madame e um creme brulee, muito gostosos, mas a carta de sobremesas é enorme e eles trazem um mostruário pra você ver e escolher.



4. Le Soufflot - Pantheon

Outro lugar onde parei com fome. Queriamos sentar nas mesas da rua, mas estava ventando, a garçonete insistiu para que entrassemos, mas na parte descoberta tinha muita fumaça. Ficamos na parte de dentro mesmo, quentinha, sem vista. O prato do dia era um filé com molho de pimenta, acatado na mesma hora, hehe. No ponto certinho (ao ponto, rosado por dentro) e a batata estava ótima. Apesar da fome monstro, o prato foi mais do que bem servido. Como em toda Paris, a taça de vinho era mais barata que a coca-cola, hehehe. Ah, e a garçonete foi um amor o tempo todo!


Paris, assim como no Japão, dá pra arriscar e entrar em qualquer lugar que a comida vai ser sempre boa!

Marcadores: , , , , , , ,

that would be me. bye!

about the girl

Pode me chamar de Vy. Balzaquiana com cara de universitária. Turismóloga de formação. Rodinha não só nos pés, mas no coração também. Introvertida. Blogueira old school.

good reads

@ carol c. [rolê do amor]
@ nicas
@ nati n.
@ line
@ lari
@ lomogracinha
@ fernanda n.
@ paula b.
@ thais h.
@ tany
@ lia f. [verbo ler]
@ maria t.
@ simone pearl
@ anne r. [cat loves vinyl]
@ bruna
@ pamela
@ lecticia
@ gesiane
@ chris m.
@ meire k.
@ carlos & denise

the past



extras

the simple life